10 de fev de 2017

José Ivan Maia falará sobre técnicas de merchandising na Faculdade La Salle

VALE DO TAQUARI

Para Maia: “a publicidade move as pessoas na direção dos bens,
o merchandising move os bens na direção das pessoas”

A Faculdade La Salle de Estrela terá em 23 de fevereiro, às 19h, o Curso “Merchandising Ativo”, com o Administrador José Ivan Maia. O evento abordará técnicas e novas estratégias para o mercado voltado a exposição inteligente no ponto de venda. Segundo Ivan, a competitividade exige que o PDV seja explorado de forma criativa e estratégica, para vender mais. É necessário prospectar inovações, além de identificar padrões de consumo e seguir tendências.

“Atualmente, o merchandising é algo muito mais completo que procura acompanhar todo o ciclo de vida de um produto, desde a sua imagem para os PDV´s até o acompanhamento de seu desempenho diante dos consumidores, e é considerada a mídia mais rápida e eficaz, pois é a única em que a mensagem conta com os principais elementos para a venda ser efetuada: consumidor, produto e dinheiro” afirma Maia.

José Ivan Maia é Coordenador de Comunicação e Marketing do Grupo Univale. Atua há 17 de anos no segmento de mídia, também com passagens pelas empresas: Senfter do Brasil e Grupo Conpasul. Tem o curso de Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) de Porto Alegre, formação como Ouvidor pelo Instituto Ibero Brasileiro de Relacionamento com o Cliente (IBRC) de São Paulo e Graduado em Administração de Empresas pela Univates.

Inscrições e informações sobre o curso pelo fone (51) 3720-2732; whatsapp (51) 99814-8184 ou juliano.petry@lasalle.org.br


Créditos texto e foto: Aline Wermann


9 de fev de 2017

Secretaria de Obras foca na organização e limpeza da cidade

E S T R E L A
O ano de 2017 começou com muito trabalho na Secretaria de Obras Públicas de Estrela. Em um mutirão de limpeza coordenado pelo secretário Cristiano Nogueira da Rosa, a pasta concentrou suas ações na organização e limpeza da cidade.

Somente no mês de janeiro, na área da limpeza pública, foram realizados quase 40 mil metros quadrados de roçada manual e 130 mil metros quadrados de capina mecânica. Foram recolhidas, ainda, 243 cargas de entulhos e galhos verdes e 400 sofás deixados nas vias públicas e terrenos baldios.

No mesmo período, conforme o secretário, a pasta executou mais de 400 reparos na iluminação pública e a colocação de 109 cargas de saibro nas ruas, para melhorar as condições das vias. "O trabalho da secretaria abrange toda a cidade e precisa da colaboração da população. Uma equipe de limpeza atua na coleta de entulhos, como sobras de construções, cimento e tijolos, que são recolhidos próximo a obras ou ampliações de imóveis", explica. Nogueira alerta, no entanto, que não é da alçada da prefeitura recolher entulhos de obras. "Existe uma lei que torna o morador responsável por este tipo de material". A orientação é de que lojas, loteadoras, empresas e moradores tenham um contêiner para acondicionar o entulho.

Informações sobre o recolhimento e pedidos de troca de lâmpada podem ser feitos pelo telefone 3981.1077 ou pelo e-mail obras@estrela.rs.gov.br.

Texto: Bruna Nunes Braun

Secretaria de Obras começa a preparar ruas para iniciar o calçamento

ENCANTADO 

Seis ruas do bairro Jardim da Fonte, contempladas no projeto de calçamento do Badesul, começaram a receber o serviço de terraplanagem e retirada de solo impróprio, a parte do barro que acaba danificando ruas calçadas. Equipes da Secretaria de Obras fazem todo o trabalho de terraplenagem, drenagem pluvial (tubulação, caixa coletora e grade) e meio-fio.

A empresa contratada pelo financiamento fará o assentamento do paralelepípedo e o embasamento de material granular, o pó de pedra.

Foto: Cris Costa

CIC VT entra na mobilização regional para que o novo plano de concessão de rodovias federais no RS seja eficiente

VALE DO TAQUARI

O tema foi predominante durante a reunião da entidade realizada na manha desta quarta-feira (8 de fevereiro), na sede da Associação Comercial e Industrial de Arroio do Meio (Acisam). 

O encontro reuniu boa parte da diretoria da Câmara da Indústria, Comércio e Serviços do Vale do Taquari (CIC VT) e teve ainda a presença da presidente do Conselho Regional de Desenvolvimento do Vale do Taquari (Codevat),Cíntia Agostini. Na pauta do dia assuntos como o apoio da CIC VT para o  projeto Negócios em Pauta desenvolvido pelo Sindicado dos Contadores e Técnicos em Contabilidade do Vale do Taquari (Sincovat) e o jornal A hora, as ações realizadas até agora pelo grupo responsável  pela nova bandeira da entidade,  que é a logística, além, do referendo da Câmara para a permanência do Oreno Ardêmio Heineck,no Conselho Superior da Federasul.  

A principal discussão foi sobre o novo plano de concessão de rodovias federais no Rs. O presidente da CIC VT, Ito José Lanius afirmou que a entidade está disposta a ajudar na construção. "Queremos um plano objetivo, o melhor para o Governo, mas que não prejudique o Vale do Taquari. Os pedágios são inevitáveis, o que precisamos saber é que tipo de contrato está sendo proposto, o que vamos gastar e receber em troca. Será que o governo vai incluir a manutenção e os investimentos no custo para o usuário da rodovia?"

Já a presidente do Codevat, Cíntia Agostini afirmou que o Conselho está analisando as 170 páginas do edital. "Nós não imaginávamos que seriam 2 pedágios em pouco mais de 100 kms. Vale ressaltar que a concessão é de 30 anos, isso é outra coisa que nos preocupa, além do prazo estipulado para o início de obras importantes como a duplicação do trecho até Tio Hugo e Iraí."

Cíntia destacou ainda que o projeto do governo federal prevê o teto máximo por praça no Vale do Taquari. Com isso, os custos de produção que vão aumentar muito. Um dos presentes citou o exemplo de uma empresa que gasta hoje em torno de R$5.000 por mês com pedágios. Com a instalação de novas praças, o valor vai passar de R$12.000 mensais. 

Na próxima semana, a Agência Nacional de Transportes Terrestres(ANTT) vai realizar a  primeira audiência pública em Porto Alegre para ouvir sugestões em relação a quantidade de obras, valores e a localização das praças. As lideranças regionais querem se preparar para esse encontro na capital e planejam se reunir na próxima segunda-feira, dia 13 de fevereiro, às 9h30 min, na Univates, em Lajeado. O grupo liderado pelo Codevat, com apoio da CIC VT, AMVAT, AVAT e demais entidades regionais vai tratar das seguintes questões;  número de praças de pedágio, cronograma de obras e uma mobilização para trazer uma audiência regional. O Codevat pretende apresentar na reunião, uma síntese do edital, além de projetos e prioridade da região. 

Foto: SWobeto editoria e Vídeo 

Reunião com produtores sobre alimentação orgânica nas escolas

ENCANTADO

No Auditório Brasil do Centro Administrativo de Encantado, reuniram-se agricultores, técnicos e consumidores para debater o tema “Produção e Comercialização de Alimentos Orgânicos na Alimentação Escolar”.

O Evento organizado pela Emater/RS juntamente com a Secretaria Municipal da Agricultura e Secretaria Municipal da Educação de Encantado, contou com a presença do vice-prefeito Enoir Cardoso, que inicialmente saudou os presentes e destacou a importância da oferta de alimentos orgânicos, para alunos da rede escolar municipal, conforme lei municipal 4.211/2016, de 02 de agosto de 2016, que dispõe sobre a obrigatoriedade da inclusão de alimentos orgânicos na alimentação escolar no sistema de ensino público de ensino do município de Encantado.

Na sequência a nutricionista da Secretaria Municipal de Educação, Elisandra Borelli Mottin tratou sobre compras na alimentação escolar de acordo com o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), destacando a diferenciação na qualidade e no preço pago ao produtor de alimentos orgânicos sendo 30% a mais que o convencional.

O Assistente Técnico Regional da Emater de Lajeado, Eng. Agrº. Lauro Edilson Bernardi, na sequência apresentou as formas de certificação da produção orgânica conforme prevista na legislação Brasileira, com destaque para a certificação da produção de alimentos orgânicos produzidos pela agricultura familiar através dos Organismos de Controle Social (OCS).

Representando a Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS), unidade de Encantado, a Professora Drª. Elaine Biondo, apresentou um projeto de pesquisa que visa diagnosticar as unidades de produção em processo de conversão da produção orgânica e em vias de certificação. Experiência já acumulada no município de Arroio do Meio, onde há um grupo de produção orgânica.

Para finalizar, o secretário municipal da Fazenda Luciano Moresco e proponente da lei em 2015 enquanto membro do legislativo, falou da proposta de construção da lei, das motivações e da importância da alimentação orgânica para as crianças na escola como incentivo para alimentação segura e saudável para a sociedade.


Ao final do evento, a coordenação definiu que os agricultores interessados em aderir ao grupo de produção orgânica terão até 03 de março para realizar seu cadastro junto à Emater de Encantado.

Cris Costa/AI

Mallmann é reeleito presidente da Associação dos Secretários de Educação

E S T R E L A

O secretário de Educação de Estrela, Marcelo Mallmann, foi reeleito para a presidência da Associação dos Secretários Municipais de Educação do Vale do Taquari (Asmevat). A reunião para a escolha da diretoria da entidade, que terá mandato de dois anos, ocorreu na tarde desta terça-feira (07.02), na sede da Amvat, em Estrela. O novo vice-presidente é Mauro Heinen, de Santa Clara do Sul, e a secretária é Fabiele Girardi, de Progresso. Mallmann e Heinen serão os representantes regionais junto à União dos Dirigentes Municipais de Educação-RS (Undime).

À frente da associação, Mallmann pretende fortalecer a entidade e promover encontros que venham agregar valores nos desafios que são impostos no dia a dia dos dirigentes municipais de Educação. Um dos grandes objetivos, segundo ele, é instituir e consolidar o Fórum de Educação do Vale do Taquari, para que as políticas públicas educacionais da região possam ser debatidas de forma democrática, promovendo a troca de experiências entre os profissionais dos municípios, para que as boas práticas possam ser compartilhadas.  


A reunião também tratou de outros assuntos relacionados à área educacional, como o Plano de Ações Articuladas, cujo diagnóstico deve ser concluído pelos municípios. O Plano é uma iniciativa do governo federal com a finalidade de auxiliar no planejamento estratégico das políticas de educação. Além disso, é um canal de comunicação permanente entre os estados, e os municípios com o Ministério da Educação.

Houve ainda discussão sobre o transporte escolar, apresentação e cadastro dos dirigentes, apresentação da União dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) e da Agenda dos Cem Primeiros Dias, documento elaborado pela Undime com o objetivo de prestar orientações aos secretários. A publicação enfatiza a necessidade de os dirigentes conhecerem a legislação, as políticas, diretrizes e programas, e trata também dos convênios ou contratos vigentes, além da busca de informações sobre as prestações de contas.

Paulo Ricardo Schneider/AI

Inicia neste sábado a 5ª Copa Verão de Futebol Sete

ENCANTADO

Após reunião com os representantes das equipes, realizada no Centro Administrativo Municipal, na última terça-feira (07), ficou definido o número de nove equipes participantes, bem como o regulamento e a fórmula de disputa.

Nove jogos marcarão a primeira rodada da 5ª Copa Verão de Futebol Sete de Encantado, neste sábado (11), a partir das 13h30min no Estádio das Cabriúvas. Conforme a fórmula de disputa serão três chaves com três equipes jogando entre si, dentro da chave. As duas primeiras de cada chave, mais os dois melhores terceiros colocados no geral se classificam para as quartas de finais. Pensando na questão disciplinar, mas principalmente em ajudar entidades carentes do município, ficou definido no regulamento, que o atleta que receber cartão amarelo deverá pagar 1 litro de leite e o cartão vermelho 5 litros de leite, que posteriormente serão doados as entidades.

A competição é organizada pela Administração Municipal por meio da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Turismo e pelo Esporte Clube Encantado. Os jogos iniciam às 13h30min e cada partida terá a duração de dois tempos de 15 minutos. A entrada é gratuita.

Cris Costa/AI