29/03/2012

Marinha fará abrigo provisório na Antártida

(((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((


 

Marinha fará abrigo provisório na Antártida A Marinha levará módulos emergenciais para a Antártida para não prejudicar as pesquisas e abrigar no próximo verão, a partir de novembro, os pesquisadores e militares que participarão da construção da nova Estação Antártica Comandante Ferraz. "Esses módulos também servirão como um canteiro de obras", declarou o almirante Marcos José de Carvalho Ferreira, secretário da Comissão Interministerial para Recursos do Mar. Os módulos são como contêineres. O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação também estuda enviar, nas próximas semanas, painéis solares para manter funcionando os equipamentos de coleta de dados que sobreviveram ao incêndio e estão agora ameaçados pela falta de energia.   "O importante é dar a máxima continuidade ao programa", disse o ministro Marco Antonio Raupp. Autoridades afirmam que um incêndio no gerador a diesel, provavelmente provocado por um curto-circuito elétrico, foi o que causou a destruição de 70% da base e a morte de dois militares que tentaram controlar o fogo. As bases mais modernas da região são as da Coreia do Sul e da Espanha. Elas servirão de exemplo para a nova estação brasileira.

 
Add caption

  @@@@@@@@@@@@@@@@@@@

Nenhum comentário:

Postar um comentário